C# - Técnicas úteis para Debugar sua Aplicação - I


Neste artigo vou iniciar uma série de dicas sobre técnicas úteis para Debugar sua aplicação C#.

Eu creio que Debugar uma aplicação é uma das tarefas que qualquer desenvolvedor é obrigado a fazer e o tempo que se gasta nessa tarefa não é pequeno.

Dessa forma ao otimizar a tarefa de Debugar estamos com isso ganhando tempo e produtividade.

Para isso veremos algumas técnicas que podem ser úteis quando você for debugar sua aplicação C#.

1-  Avaliando uma expressão com e sem efeitos coleterais (nse)

Às vezes, durante a depuração, queremos avaliar uma expressão que pode alterar o estado da aplicação quando executada.

Por exemplo, o getter de uma propriedade que modifica uma variável estática.

Isso pode corromper nossa sessão de depuração. Mas existe uma alternativa para avaliar expressões sem efeitos colaterais que alteram o estado da aplicação.

Considere o seguinte código :

Como podemos notar ao avaliarmos o método Teste na janela Immediate Window (acima), a variável numero será incrementada e vai alterar o estado da sua aplicação.

Observe que o valor de numero foi alterado de 1 para 2.

Como evitar esse efeito colateral ???

Podemos fazer isso incluindo a palavra nse (no site effects) na expressão de avaliação e assim o estado da aplicação não vai ser alterado.

Veja como fica o Debug usando a palavra nse :

Agora podemos constatar que a avaliação foi executada corretamente e o valor da variável numero não foi alterada.

Ao adicionarmos nse, o código será executado em um sandbox, e o estado da aplicação não será alterado.

Nota:  Quando o método avaliado chama código nativo esse recurso não funciona.

Aguarde a próxima dica para debugar sua aplicação...

(disse Jesus) "Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que eu der é a minha carne, que eu darei pela vida do mundo. "
João 6:51

Referências:


José Carlos Macoratti